Dicionário dos Primeiros Livros Impressos em Língua Portuguesa
Dicionário dos Primeiros Livros Impressos em Língua Portuguesa

Critérios de elaboração do dicionário

Procedemos à transcrição dos textos directamente dos originais impressos, servindo-nos de critérios de edição uniformes e tendo o cuidado de respeitar a grafia original.

Servindo-nos do Lexicon, um programa de análise estatística de textos, criámos uma base de dados com todas as palavras existentes nas obras seleccionadas. A base de dados contém a listagem das palavras por ordem alfabética, o número de ocorrências de cada uma delas, informações sobre a classe gramatical a que pertence, o número e a pessoa, o título da obra ou obras onde ocorrem e o lema a que pertencem. Apresentamos o seguinte exemplo:

verbo duvidar

forma e/ou variante

classe

conjugação verbal

pessoa

lema 1

lema 2

documentação e número de ocorrências

duuida

vb / subs

pres. ind.

3s

duvidar

dúvida

S, 57; TC, 1; C, 2; EE, 10

duuidã

vb

pres. ind.

3p

duvidar

 

EE, 1;

duuidan

vb

pres. ind.

3p

duvidar

 

S, 1;

duuidando

vb

ger.

 

duvidar

 

S, 2; EE, 1;

duuidar

vb

inf.

 

duvidar

 

S, 8; EE, 1;

duuidarẽ

vb

infp. / fut conj.

3p

duvidar

 

EE, 1;

duuidaria

vb

cond.

1s / 3s

duvidar

 

S, 20;

duuidariam

vb

cond.

3p

duvidar

 

S, 1;

duuidarian

vb

cond.

3p

duvidar

 

S, 3;

As formas homónimas, como duuida, que pode ser um substantivo ou uma forma do verbo duvidar, não foram contabilizadas em separado, estando representadas no mesmo campo da base de dados. Posteriormente, foi necessário confirmar contexto a contexto a classe gramatical a que pertenciam as formas homónimas. Este problema não é significativo.

Da base de dados, foram retiradas todas as formas gregas e latinas, as palavras estrangeiras não aportuguesadas (do castelhano, do francês, do árabe, etc.), os nomes próprios e a numeração romana.

Verificou-se que a introdução de um campo para o lema foi de extrema importância para a ordenação das entradas, pois, pedido um relatório à base de dados, este disponibiliza as formas inscritas no mesmo lema, como mostram os exemplos seguintes:

abaixar, vb. abaixa (EE, 3); abaixado (S, 1; EE, 4); abaixandoo (EE, 1); abaixandose (EE, 1); abaixar (EE, 2); abaixou (S, 2); abayxa (EE, 1); abayxan (S, 2); abayxar (S, 1); abayxou (EE, 1).

cabelo, subs. cabello (S, 2; C, 1; EE, 13); cabelo (TC, 1); cabelos (S, 4; EE, 1).

Nos casos em que o número de variantes era significativo ou podia dificultar a consulta, optámos por organizá-las dentro de dois ou mais lemas.

Construída a base de dados, procedemos à extracção das palavras encabeçadas pelo lema para um processador de texto. Aí as entradas são complementadas com informações relativas à origem etimológica, às acepções e aos contextos em que as várias formas ocorrem nas obras.

Dos dados referentes ao substantivo abastança, resultará um verbete com a seguinte configuração:

cabelo, subs. (do lat. cappillu-m). Pêlo sobretudo da cabeça, mas também de outras partes do corpo humano; pêlo de um animal. Formas: cabello (TC, 1; C, 1; EE, 2); cabellos (S, 2; C, 1; EE, 13); cabelo TC, 1); cabelos (S, 4; EE, 1). Contextos: «nõ podes em ela fazer huü cabello negro» (TC); «deixauam creçer os cabellos e despoys rapauãnos e faziã sacrifiçio delles» (S); «E os cabellos sejam de tal compasso e longura, quanto aos dordës sacras que sempre lhe pareça a orelha» (C); «huum soo cabello de vossa cabeça non pereçera» (EE); «o cabelo da uossa cabeça nõ perecera» (TC); «começoulhe de regar os pees e alimpauaos con os cabelos de sua cabeça» (EE); «cortam os cabelos darredor e non rapan ëçima a cabeça» (S).

Este verbete, numa fase posterior, será revisto e acrescentado, caso seja necessário.

Calculamos que cerca de 60% do tamanho do dicionário contemple entradas verbais, não porque elas sejam muitas, mas porque os verbetes são extensos. Isto deve-se, não só à multiplicidade de formas conjugadas, mas sobretudo à proliferação de formas fonética e/ou graficamente divergentes. Os verbos auxiliares estar, haver, ser e ter são os que apresentam os verbetes mais extensos.

No que diz respeito à etimologia, servimo-nos das explicações dos vários dicionários de Língua Portuguesa existentes e, quando as explicações não nos parecem convincentes, procuramos outras vias, nomeadamente os dicionários de Grego, Latim, Francês e Castelhano.

Contacto | © 2010-2015 Projecto Vercial