José Leon Machado

Literatura


BRAÇOS QUEBRADOS

de José Leon Machado

Braços Quebrados conta a história de um jovem que fugiu de Timor após a invasão indonésia e se refugiou em Portugal. As recordações da família, do cheiro a sândalo e a tamarindo, a eucalipto branco e a maresia, levam-no a escrever um diário. Esse diário depressa ultrapassa a intenção inicial para se tornar num companheiro a quem o autor confia os sentimentos mais íntimos, os pesadelos que o perseguem, a relação com os outros, os amores e as desilusões, a angústia, o medo e a alegria. Retrato de Timor pós-colonial, por ele perpassam a guerra civil, a invasão, a luta da Resistência nas montanhas, a prisão de Xanana, o massacre no cemitério de Santa Cruz, o referendo, a reacção das milícias e do exército indonésio, a força de paz da ONU e a vitória da esperança.

capa de 'Braços Quebrados'

Título: Braços Quebrados
Autor: José Leon Machado
Género: romance
2ª edição revista
Edições Vercial, 2009
ISBN: 978-972-99038-6-1
N.º de páginas: 250
Suporte: papel e ebook



Formatos disponíveis:


Formato Extractos
EPUB (iPad, Samsung Galaxy, etc.) Download
PDF (para computador) Download

COMPRAR

Para adquirir esta obra em papel, deverá contactar a Amazon.

Voltar ao catálogo



Recensões críticas e opiniões sobre a obra:

Braços Quebrados «tout en étant plus accessible au lecteur moyen actuel. Il s'agit des expériences dramatiques et des sentiments d'un jeune refugié timorien au Portugal pendant la période indonésienne: guerre civile, invasion, résistance, massacre du cimetière de Santa Cruz, référendum, déchaînement des milices pro-Djakarta, etc., tout passe par le prisme du journal intime d'un séminariste qui, au fil des années, va devenir prêtre au Portugal avant de rentrer dans son île.»

René Pélissier, Africana Studia, nº15, 2010, p. 191

Contactos | © 2013-2016 José Leon Machado